Artista transforma maior prédio do campus de Cascavel da Unioeste

PUBLICIDADE

A arte transforma e isso que ela está fazendo no maior prédio do campus de Cascavel da Unioeste, que está ganhando um belíssimo mural assinado pelo  artista plástico e professor Marcos Andruchak.

A obra de arte tem proporções generosas. O mural quase 80 metros quadrados. Ele fica em uma das paredes externas do prédio de salas de aula, o maior do Campus de Cascavel da Unioeste (Universidade Estadual do Oeste do Paraná).

O projeto de transformação conta com apoio dos participantes do “I Seminário sobre Interdisciplinaridade da Arte na Educação” para a etapa da pintura. Mas, antes da tinta, entra todo o trabalho do artista. Andruchak é do Paraná e graduado pela Unioeste.

A TV Imago, da Unioeste, gravou um vídeo com Andruchak, onde ele explica os significados de sua obra de arte.

“A obra foi criada a partir da ideia de universidade, mas não de qualquer universidade, Unioeste. Tentei ver que grafia representava o estudo, o ensino, a sabedoria para que as pessoas olhassem e vissem a Unioeste no grafismo sem que precisasse ler a palavra Unioeste”.

O artista plástico é um dos nomes da arte contemporânea no Brasil. Sua obra é definida por um estilo que ele criou, chamado geometricismo.

“As formas têm aproximação geométrica. Eu estava criando algo totalmente novo e eu precisava achar uma definição”, explica Andruchak.

Além dos traços característicos do artista, as obras também são cheias de cor e relevos.
No mural da Unioeste, foi utilizada pouco mais de uma tonelada de cimento para fazer a base onde será esculpida a arte e quase 50 litros de tinta vão colorir imagens que homenageiam os cursos da instituição.

A obra de arte tem 11 metros de altura, o mais alto já realizado pelo artista. O mural ainda vai trazer cor ao prédio, que tem as mesmas características há mais de 20 anos.
O local escolhido fica no coração do maior Campus da Unioeste. Além de revitalizar o espaço, a obra de arte em um espaço público tem também outra finalidade.

“A proposta é que esse espaço, que é aberto, também seja utilizado como um local de visitação da comunidade”, explica a coordenadora do seminário, a professora Adriane Martins.

Desde alunos da escola primária até mesmo estudantes universitários poderão explorar um exemplo da arte muralista brasileira. Para o artista, a arte conecta todas as disciplinas.

“Se você der um ensinamento forte na área de arte para os alunos, eles serão excelentes profissionais em todas as áreas, porque as artes conectam tudo”, diz Andruchak.

 

Texto: Assessoria de Imprensa Campus Cascavel

 

1 comment

  1. A Arte contribui muito para o conhecimento de mundo e a arte de Andruchak é impar, seu traçado é sem igual. Parabéns a esse grande artista paranaense e parabéns ao povo de Cascavel por valorizar a arte!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *