Audiência pública encaminha demandas da saúde a deputados da região

PUBLICIDADE

O presidente da Frente Parlamentar de Fiscalização Permanente da Saúde Pública de Cascavel, vereador João Paulo (PSD) avaliou de forma positiva a audiência realizada na manhã de hoje (21) no plenário da Câmara de Cascavel, para debater formas de melhorar o atendimento prestado aos usuários. A audiência foi transmitida ao vivo pelo blog.

“Foi muito importante a presença da deputada federal Leandre Dal Ponte, que integra de forma muito ativa a Frente Parlamentar da Saúde no Congresso Nacional”, disse.

A partir deste debate, João Paulo acredita que as reivindicações relacionadas à saúde pública em Cascavel devem encontrar mais eco na Câmara dos Deputados.

“Situações graves como a falta de leitos e a falta de repasses para o Consamu dependem de pressão política”, afirmou.

OS PONTOS

Esses foram alguns dos pontos elencados em correspondência entregue à deputada Leandre Dal Ponte e encaminhada aos deputados federais do Oeste do Paraná:

– Desde 2011, Curitiba e Região Metropolitana, além da cidade de Londrina, recebem incentivo financeiro do SUS, em forma de repasses que chegam ao dobro por parte do Ministério da Saúde, por cada leito/SUS utilizado;

– O Consórcio Intermunicipal Samu/Oeste vive situação de limite devido à falta de repasse de recursos da União;

Existem três UPA´s (Unidades de Pronto Atendimento) em Cascavel e uma quarta está em construção, com custo mensal de R$ 1 milhão cada uma. Até agora nenhuma foi habilitada/qualificada e com isso o município não recebe os valores de custeio.];

– Há problemas, ainda, no recebimento de verbas do CAPs Ade Unidades de Acolhimento Regional; nas Unidades de Suporte Básico e de Suporte Avançado Aéreo; no Programa Saúde da Família e Saúde Bucal, entre vários outros serviços e programas.

“Com toda essa deficiência, os problemas se avolumam, apesar do Município de Cascavel investir em saúde pública o dobro dos 15% preconizados pela Constituição, assevera João Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *